Energia eléctrica mais cara a partir de hoje

0

É a quarta subida em cinco anos. Os clientes da Electricidade de Moçambique-EDM, empresa pública, passam a partir desta sexta-feira, a pagar mais pelo consumo da energia eléctrica.

Num aviso a que a STV teve acesso, a EDM informa que o ajustamento tarifário incide-se sobre os clientes de baixa tensão, envolvendo quatro categorias, nomeadamente, tarifa social, tarifa doméstica, tarifa agrícola e tarifa geral.

Tal como nos anteriores três agravamentos tarifários, a EDM aponta as mesmas justificações.
“Permitir a empresa prosseguir com os investimentos de expansão da rede eléctrica, com vista a colmatar o crescimento da demanda e aumentar o acesso da população à energia eléctrica e assegurar o equilíbrio financeiro que permita a continuidade de fornecimento de energia com qualidade e segurança”.

Concretamente, os consumidores domésticos de até 300 quilowatts passam a pagar 6,63 meticais por quilowatts por hora, mais 1,17 meticais que a taxa anterior. Para os clientes pré-pago, vulgo Credelec o agravamento é de 1,49 meticais, passando a custar 8,44 meticais por quilowatt.

Já o escalão do sector agrícola teve a tarifa agravada em quase o dobro, passando a custar 4,08 meticais por quilowatts por hora. Refira-se, que a chamada “categoria social”, ou seja, o escalão dos moçambicanos tidos como pobres, as taxas mantêm-se inalteradas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA


Please enter your comment!
Please enter your name here